Contabilidade para Advogados em São Caetano

A Constituição Federal já diz no seu artigo 133, “O advogado é indispensável à administração da Justiça”. E a partir de hoje estes profissionais indispensáveis na nossa sociedade já podem contar com serviços contábeis especializados na cidade de São Caetano do Sul, em São Paulo.

O contador Luiz Lima (foto) está à frente do escritório e já chega com uma proposta inovadora para trabalhar a contabilidade na região. “Acredito que o maior desafio seja transformar o modo como a contabilidade ainda é vista pela maioria das pessoas: uma área burocratizada, operacional, e muitas vezes vista somente como uma despesa.
Desta forma, juntamente com a NTW Contabilidade e Gestão Empresarial e toda sua expertise na área de gestão, iremos trabalhar para elevar e agregar valor aos serviços prestados”, conta Luiz.

O escritório também já está apto a atender prestadores de serviços de outras áreas, além de micro e pequenas empresas. Luiz conta que a unidade irá atuar como um parceiro estratégico dos advogados e empreendedores da região na tomada de decisões. “Através da excelência da rede na prestação de serviços, vamos contribuir para o crescimento das empresas locais com demonstrativos e indicadores contábeis, financeiros e gerenciais, que possibilitem análises reflexivas sobre o seu desempenho, facilitando tomadas de decisões, buscando a maximização dos resultados, minimização dos custos e conquistas de novos mercados”, afirma o contador.

Além do vasto know-how na área contábil, Luiz ainda possui 8 anos de experiência nas áreas Administrativa e de Gestão Financeira, e pretende usar todo conhecimento adquirido para contribuir para o crescimento econômico da região. “São Caetano já chegou a ter o maior IDH do Brasil, o que era motivo de muito orgulho para todos nós moradores, porém, assim como todo o país, se encontra em uma situação financeira delicada. Desta forma gosto de analisar esta atual situação como uma oportunidade para mostrar aos micro e pequenos empresários que é necessário elaborar bons planos de trabalho e que se faça uma Gestão Contábil, Tributária e Financeira de qualidade para que essas empresas se tornem sustentáveis e não sofram com o ambiente externo, e também fazer com que os empresários informais entendam e enxerguem os benefícios e a necessidade de se formalizarem”, finaliza Luiz.